NOTÍCIAS

“Valdevan Noventa fez da nossa categoria uma grande família”

08/02/2018



Reconhecimento e gratidão. Essas são as palavras que definem o sentimento da cobradora Noranei Oliveira Góes ao SINDMOTORISTAS e seu presidente, Valdevan Noventa, por terem a amparado em um dos momentos mais difíceis e incertos de sua vida.

Para quem não sabe, Noranei pertencia ao grupo de 1.500 pessoas que perderam o emprego com o fechamento da Viação Cidade Tiradentes, em 2013. Na época, Valdevan – que acabava de ser eleito presidente da entidade – não pensou duas vezes para convocar os trabalhadores atingidos com o fechamento da empresa, dirigentes sindicais e militância e liderar uma grande luta com protestos pela cidade de São Paulo, cobrando providências das autoridades competentes para a solução deste problema de consequências econômicas e sociais.

Noventa firmou um acordo no Ministério do Trabalho que garantiu o remanejamento de todos os trabalhadores da extinta Viação Cidade Tiradentes para a Express Transportes e para outras empresas do sistema, assim como, garantiu o recebimento parcelado dos direitos trabalhistas.

Nesse incidente que acabou em vitória, Noranei percebeu que a categoria realmente tinha um líder de verdade, preocupado e comprometido com as causas dos trabalhadores em transportes, um pai que não abandona seus filhos.

Hoje, trabalhando na Express Transportes, a cobradora usou as redes sociais para expressar seus sentimentos de alegria e aprovação à administração de Valdevan Noventa que transformou a categoria em uma grande família. “Tenho participado das atividades do sindicato e notei a presença expressiva dos trabalhadores, dos seus filhos, das suas esposas e maridos. Isso sem dúvida, fortalece as nossas lutas”, declarou.

A companheira elogiou o trabalho exemplar dos diretores “Toninho” e “Taradinho”, que contribuiu para a participação e engajamento dos trabalhadores da Express nos eventos do sindicato. “O presidente é um homem que acredita muito em Deus. Então, sempre que possível levo meus filhos e meus pais para os eventos do sindicato, pois sei que são pacíficos e de paz. Fui com a família na Festa do Dia dos Motoristas, realizada no CMTC Clube, no ano passado, e torci muito para ganhar o carro zero km, mas não tive essa sorte”, brincou Noranei.

 

A cobradora disse que, mesmo com a intenção do Poder Público e dos empresários de ônibus de extinguir a função no sistema, confia na luta e no compromisso de Noventa para garantir o emprego de milhares de trabalhadores.“Eu acredito e os trabalhadores acreditamos em Valdevan. Acredito também em Deus que nos mandou a pessoa certa para ser o nosso líder. A família condutora tem que continuar, com Valdevan Noventa na presidência do sindicato”, finalizou.

Compartilhe

Categorizado em: Ações Sindicais,

BUSCAR NO SITE